Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

O "indesejado"

João Gonçalves 19 Jan 14

 

Marcelo comentou a chamada "moção de estratégia" do dr. Passos na parte que alegadamente lhe diz respeito, as próximas eleições presidenciais. E considerou que Passos "considera" a sua putativa candidatura "indesejável". Pelo caminho, e fazendo uso de uma acta da reunião da direcção do PSD na qual ninguém se opôs à trapaça do referendo, acabou por sugerir que o mesmo dr. Passos e a verdade podem nem sempre coincidir: nessa unanimidade estava, à cabeça, o presidente do partido. E ainda teve tempo para questões de má educação. Passos podia ter-lhe telefonado a comunicar que não o queria em vez de permitir que o "recado" fosse passado aos jornais, como sugeriu, sorridente, o visado. Marcelo descreveu o cenário da moção de Passos no condicional. Ora Passos não conhece a conjugação condicional "se". E o país terá a infelicidade de constatar, depois do mítico "17 de Maio", que nada de substancial mudará na vida difícil das pessoas. Não há paraísos artificiais a não ser na literatura. E Marcelo não é pessoa que convenha ter-se por inimigo. Decerto que, na sua loquacidade semanal, jamais se esquecerá do qualificativo "passista", o "indesejado".

1 comentário

De Justiniano a 20.01.2014 às 13:29

E acaso era necessária uma qualquer moção ou pedaço de letras para considerar o catavento indejável a qualquer cargo que exija, pelo menos, dois pontos de prudência!!?
E já agora, o tal Passos teria, por dever de consideração e educação, de ligar a todas as catatuas e cataventos que militam por lá!!
Vmcê atira à toa!!

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • O apartidário

    Por falar em discursos inconsequentes. No discurso...

  • marão

    INDUÇÃO CULTURA TUGA Gritem, esfolem-se, sofram e ...

  • O apartidário

    " A política vive num estado constante de conformi...

  • Anónimo

    Não vale a pena.

  • passante

    > acabaram as ideologiasSe acabassem não eram m...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor