Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

Ora "esta lepra que nos mata" - a expressão é de 1943 e pertence à filósofa Simone Weil - como que "atacou" as democracias liberais ocidentais gerando, como referi, citando Manuel Maria Carrilho em "O que aí vem", esta imensa procissão de leprosos que carregam às costas o fardo da mediocridade das suas elites políticas e o seu próprio, agora famosamente inflacionado, quer no sentido económico do termo, quer pelas circunstâncias ocorrentes aceleradas, todas, no pior sentido em 2022. Carrilho lança na quarta-feira o seu segundo livro daquilo a que quero chamar "a tetralogia virtuosa", "A democracia no seu momento apocalíptico", precisamente sobre isto tudo. O "prólogo" será o "Pensar o que lá vem", de Janeiro de 2021.

A "primeira jornada, o "Sem retorno", de Setembro do mesmo ano. A "segunda jornada", este. E uma "terceira jornada" que se chamará, provavelmente, "Impensar". É tão raro pensar-se por cá o que interessa que continuo com Carrilho para a semana.

https://www.jn.pt/opiniao/joao-goncalves/a-tetralogia-virtuosa-prologo-ou-a-procissao-dos-leprosos-15196977.html?fbclid=IwAR0_Q7yWv39DElzORDcOto_FXtTR2Zj3vAefv3TQNqlDC6hql8jsJ32E5kQ

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • O apartidário

    Por falar em discursos inconsequentes. No discurso...

  • marão

    INDUÇÃO CULTURA TUGA Gritem, esfolem-se, sofram e ...

  • O apartidário

    " A política vive num estado constante de conformi...

  • Anónimo

    Não vale a pena.

  • passante

    > acabaram as ideologiasSe acabassem não eram m...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor