Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

«Sinto-me envergonhado ao ver o primeiro-ministro do meu país a desempenhar o papel de vendedor de banha da cobra numa cimeira de chefes de Estado e de Governo. De cada vez que a cena passa na televisão, sinto vontade de me enfiar num buraco. A cena revela falta de sentido de Estado, falta de bom senso e falta de vergonha. Não é verdade que – como ele diz – o computador «Magalhães» seja um produto genuinamente português e, ainda menos, ibero-americano. Mas, mesmo que o fosse, um mínimo de pudor deveria ter impedido o primeiro-ministro de vestir a pele de um vulgar promotor de vendas de um produto comercial que está bem longe da excelência. Para o engenheiro José Sócrates, a ausência de oposição à altura e de alternativa credível, em Portugal, convenceu-o de que tudo lhe é permitido aquém e além-mar – por cá, na Europa e na América Latina – sem medo de que o ridículo dê cabo dele.»

Alfredo Barroso, Sorumbático (Foto: Kaos)

20 comentários

De Anónimo a 01.11.2008 às 16:19

Temo que estas constantes manifestações da sua imagem de marca infectem, sem remédio, este País.

De oliveira r. a 01.11.2008 às 17:15

De facto só há uma coisa que me espanta neste indivíduo.A sua imensa lata.Quem cora de vergonha somos nós,ele pelos vistos nem dá conta do ridículo.

De Carlos Medina Ribeiro a 01.11.2008 às 17:51

Os brasileiros usam muito a expressão «Ele não se enxerga», significando que a pessoa em causa não se apercebe da triste-figura que faz.

Ora essa frase (que reflecte a dificuldade que esse indivíduo tem para se ver tal como os outros o vêem) é particularmente válida para muitos políticos que vivem completamente isolados da realidade - e estou a pensar nos que nunca andam nos transportes públicos, nos que não sabem o que é ir às 5h da manhã para a fila de um Posto Médico... e coisas assim.

Pelo facto de viverem rodeados de assessores, correlegionários, amigos, familiares, besuntas, seguranças e "yes-men", não se apercebem de quando atingem - ou ultrapassam generosamente, como foi agora o caso de Sócrates... - o limiar do ridículo.

Mas não nos iludamos: o mal não tem cura, pois já não é possível, hoje em dia, fazer como nas histórias tradicionais - em que o rei ou o vizir se disfarçavam de mercadores para, circulando anonimamente por praças e mercados, saberem o que o povo pensava deles e da sua governação.

De Cáustico a 01.11.2008 às 18:28

Aproveitanto a ideia de um antepassado real é-me lícito per-
guntar: haverá alguém que espere algo de bom, de correcto e de honesto dos canalhocratas?

De Anónimo a 01.11.2008 às 19:10

Há pouco ouvi-lhe uma tirada de antologia: vai injectar dinheiro na economia... fazendo com que o Estado pague com menos demora às empresas. Cumprir a sua obrigação já passou de dever a virtude!

De Burns a 01.11.2008 às 19:14

sera que os seus 50 assessores e 35 consultores de imagem meteram ferias ao mesmo tempo????
nem o indio boliviano com as exigencias de se jogar futebol acima dos 4500 metros nem o chavez com as camisas vermelhas desceram tao baixo.
eu so fiquei admirado foi por o juan carlos nao ter soltado um sonoro porque nao te callas???

De qwerty a 01.11.2008 às 19:23

Que vergonha... E como se não bastasse esta, veio hoje dizer que o FMI não tem credibilidade, depois de no início do mês no Debate Quinzenal do Parlamento ter usado as análises daquela instituição para provar que Portugal iria resistir à crise... Enfim... E a pandilha familiar com Chávez - vamos pagar isto bem caro, como sempre...

De Anónimo a 01.11.2008 às 19:34

por favor conte se o ricardo pais sai ou foi defenestrado. é mais um «boi da piranha»
posso enviar foto de mosaico bizantino onde o dono alimenta um burro (parece o pm e os socretinos)
radical livre

De Jacinto a 01.11.2008 às 19:43

"Quem não tem vergonha,todo o mundo é seu".
E a prova irrefutável é este "engenheiro"...

De açoriano... a 01.11.2008 às 19:44

Espero que esta amostra de primeiro-ministro apresente o "Magalhães" no próximo Conselho Europeu....

PS: Portugal bateu no fundo.Não há governantes.Não há oposição.Nem há umas Forças Armadas que ponham ordem nesta pocilga!

Comentar post

Pág. 1/2

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor