Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

BLOGOFILIA/BLOGOFOBIA

João Gonçalves 27 Dez 08


Salazar ainda une. Um "socrático" e um "anti-socrático". E por razões opostas. Uma "socrática". A outra "anti-socrática". Salazar é apenas um pretexto para a "blogofilia/blogofobia" de ambos.

O EXEMPLO E O PRECEITO

João Gonçalves 27 Dez 08

Pressenti nalguns jornais (nas televisões, então, nem se fala) alguma (muita) tolerância em relação ao episódio da escola do Cerco, no Porto. No fundo, a magnífica miudagem estava apenas a antecipar o carnaval, por causa da pistola de plástico, e a turma até é, afinal, "exemplar". Ninguém parece preocupado em perceber o que antecede o acto. O que interessa é desculpabilizar e meter tudo no caldeirão da pedagogia "democrática". Acredito que haja professores que se colocam a jeito. E que até os mais inofensivos meninos têm "direito" a recreios deste género. São corolários da retórica de que "não há rapazes maus" e de que toda a gente deve conviver em paz com a inelutável "evidência". Dito de outra forma, maus mesmo são os telemóveis que "filmam". Se os proibirem nas aulas, acabam magicamente os "problemas". O que não se vê, não existe. É esta a "tese" da "escola democrática", "inclusiva". A do regime. Sou, desgraçadamente, de outra época. Daquela que Isaiah Berlin descreve como do "exemplo", e não do "preceito", "através da descoberta ou preparação de professores que tenham conhecimentos, imaginação e talento bastantes para fazer com que os estudantes vejam aquilo que eles próprios vêem, experiência que, como sabe qualquer pessoa que tenha tido um bom professor seja de que disciplina for, é sempre fascinante, e poderá ser transformadora." Como é que se mete ideias destas em cabeças e rostos improváveis como os dos representantes das associações de pais, em professores complacentes ou em meninos sem - literalmente - educação? E em locais a que, sem sorrisos, apelidam de escolas?

REALISTA

João Gonçalves 27 Dez 08

Conforme se disse aqui, o OE (Orçamento de Estado) estaria fatalmente desactualizado quando entrasse em vigor para a semana. O Presidente da República, pelos vistos, também pensa assim. Como chefe do governo, ainda por cima economista e ex-ministro das finanças, preparou mais de uma dezena de OE's. Por isso, nem sequer precisa fazer demagogia com o assunto. Basta-lhe ser realista e obrigar o governo a sê-lo.

O SURTO

João Gonçalves 27 Dez 08


As "urgências" dos hospitais são o que são. Todavia, dois espirros chegam para as entupir. Daí a um "surto" virtual de gripe vai apenas um centímetro alimentado pelas televisões. Mais vale reenviar estes mitómanos ao velhinho Júlio de Matos.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor