Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

CONSELHO

João Gonçalves 17 Jul 08


E se não podes fazer a tua vida como a queres,
pelo menos procura isto
quanto puderes: não a aviltes
na muita afinidade com o mundo,
nos muitos movimentos e conversas.

Não a aviltes levando-a,
passeando-a frequentemente e expondo-a
em relações e convívios
da parvoíce do dia-a-dia,
até se tornar como uma estranha pesada.


Konstandinos Kavafis (tradução de Joaquim Manuel Magalhães)

CASA SARAMAGO

João Gonçalves 17 Jul 08

Ao ressequido Saramago vai ser atribuída a Casa dos Bicos, durante pelo menos uma década, para asilar a sua "fundação". Não tenho nada contra a "fundação" do sr. Saramago. Todavia, é interessante verificar como estas figuras "nacionais" não dispensam a muleta estatal, directa ou pela via camarária, para montagem da respectiva tenda. Berardo "apropriou-se" literalmente do CCB, um equipamento do ministério da cultura pago pelos contribuintes, e Saramago fica com um edifício da CML para se perpetuar. Há muitas formas de "subsídio-dependência" e de o Estado se acocorar perante estas "honras nacionais". Esta, apesar de mais sofisticada e do sotaque espanhol, é apenas uma delas.

Adenda: O acto foi consumado e, uma vez mais, o Estado - nas pessoas do ministro da cultura, o advogado Pinto Ribeiro, e do presidente da CML, António Costa - bajulou o antigo director do DN do velho PREC, nos termos repugnantes desta notícia. Pinto Ribeiro, essa quintessência praticamente nula que Sócrates colocou a estagiar na Ajuda, até falou em "reconciliação" de Portugal com o sr. Saramago como se alguém lhe devesse alguma coisa. Costa orou sobre a "mesquinhez da direita portuguesa" e desfez-se em salamaleques, certamente em nome da "esquerda moderna", perante o escritor estalinista. Nenhum dos três se enxerga. Metem-me nojo.

"O VARIADO GRAU ESTRUTURANTE"

João Gonçalves 17 Jul 08


A semiótica do regime ou o variado grau estruturante. Por que é que o Eduardo não reescreve, em português "socrático", as "Mitologias" do Barthes? Vejo que o sol latino-americano lhe fez mal à cabeça embora ela já fosse daqui devidamente "amanhada".

SITUAÇÕES

João Gonçalves 17 Jul 08

Numa coisa assiste razão à líder do PSD. O governo, o PS e os seus papagaios de papel dirigem-se a Ferreira Leite como se ela fosse a chefe do governo ou o como se o PSD fosse o "governo-sombra" do próprio governo. Faz lembrar os primeiros meses de Guterres, em 1995. Para eleger Jorge Sampaio contra Cavaco, estas mesmas almas "fingiam" que ainda não eram governo e que Cavaco representava o lado mau do que "estava". Estes agora "fingem" que já não são governo para as "questões duras" e que são proto-modernos para as "questões moles", como, por exemplo, o "urgente" tema do género. Vamos ter muito disto até às eleições. Ferreira Leite "transformada" no que não é e a "situação" a fingir que é outra coisa qualquer, precisamente "oposta" a tudo o que Ferreira Leite for. Sucede que Ferreira Leite ainda não é e eles são. São e estão. E não sei o que é mais perturbador. Se o silêncio de Ferreira Leite ou se a estéril histeria da propaganda de um país que não existe.

SÓCRATES EX MACHINA

João Gonçalves 17 Jul 08

«Na maioria dos casos, os jornalistas contentam-se com a palavra do primeiro-ministro.»

Constança Cunha e Sá, Público

TOMARA ELA

João Gonçalves 17 Jul 08

Há uma tendência para colocar a dra. Ferreira Leite na "tradição" da direita do Doutor Salazar. Tomara ela.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor