Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

OBVIAMENTE

João Gonçalves 11 Mai 08

«Votou Santana Lopes em 2005?», perguntou o Jornal de Notícias a Manuela Ferreira Leite. A senhora, carregada de subtileza e tacto políticos, respondeu assim: "obviamente que não lhe respondo." Não é o "não lhe respondo" que me incomoda. É o "obviamente". Ferreira Leite, a cada dia que passa, torna-se uma óbvia má candidata ao que quer que seja. E o país já está cheio de estátuas.

Tags

CONTRA OS PROCESSADORES DE DADOS

João Gonçalves 11 Mai 08


Vitorino Magalhães Godinho concedeu uma entrevista ao Expresso. Lamento ler nela - em papel porque não tenho acesso à totalidade, na net - não tanto as palavras do historiador mas a "leitura" das palavras de Magalhães Godinho conforme foi feita pelos entrevistadores. Godinho está à beira dos noventa com a mesma lucidez dos trinta ou dos quarenta. É discutível como toda a gente que pensa deve ser. Pena que os mais novos não possam - ou não queiram - usufruir do seu ensino, traduzido, felizmente, em livros de entre os quais se reeditou "A expansão quatrocentista portuguesa" (Dom Quixote). A nossa pobre "classe política", se lesse um livrinho seu intitulado " A Estrutura da Antiga Sociedade Portuguesa" (Arcádia), não seria certamente tão despropositada e vazia. Ninguém, aliás, devia ser "admitido" na política sem saber história. «Não estamos numa sociedade de pensamento, mas apenas de acumulação de dados», disse Godinho ao Expresso. É nisto que estamos, pastoreados por meros processadores de dados. Nada mais.

POPULISMOS

João Gonçalves 11 Mai 08


Na luta pela liderança do PSD, há dois termos recorrentes: Sá Carneiro e "populismo". Todos se reclamam da "herança" de Sá Carneiro e da necessidade de "restaurar" a sua "tradição". E alguns socorrem-se do seu nome contra o "populismo". Acontece que, aos olhos de muito do "baronato" que hoje apoia Ferreira Leite, Sá Carneiro, entre 74 e 80 - altura em que a vitória da AD o tornou "respeitável" - era um "populista". E perigoso. Ferreira Leite pode sempre perguntar a Vasco Graça Moura, a Barbosa de Melo ou a Rui Machete, por exemplo, o que é que pensavam, na altura, de Sá Carneiro. Mais. Ferreira Leite, falando aos "jovens" da "jota", advertiu-os de que os "a ideia de que se tem um canudo estilo engenheiro Sócrates, que dá para tudo, já não serve." Se a candidata acha que as habilitações académicas do primeiro-ministro e respectiva verosimilhança são coisas para serem escrutinadas politicamente (e são), discuta-as a sério. A referência a "um canudo estilo engenheiro Sócrates" é puro "populismo", como um seu qualquer apoiante "anti-populista" lhe pode facilmente explicar.

Tags

O "FUTEBOLÊS"

João Gonçalves 11 Mai 08

Alguns comentários ao post anterior pressupõem, erradamente, que eu possuo uma "posição" futebolística. Porventura por viver em Lisboa. Não possuo. Detesto - reparem no verbo - futebol. Não pela coisa em si, mas pelo que dela fizeram. Jogos de bola todos os dias, a qualquer pretexto, vindos de qualquer parte do mundo, cansa. Não tarda e teremos de gramar jogos de bairro entre garotada porque os outros se esgotaram. Para além disso, o "futebolês", tratado de igual para igual com golpes de estado ou eleições nos nossos media, é mais uma manifestação da nossa irremediável iliteracia, do nosso congénito primitivismo. Lá fora também é assim? É. E pior. Todavia, "lá fora" (penso sobretudo na Europa nossa "companheira") há muita coisa que funciona e, até, ressuma geralmente a democracia. Aqui não. Até prova em contrário, toda a gente é inocente enquanto não houver uma decisão terminal, ou seja, da qual já não é mais possível recorrer. Tudo o resto, esta discussão imbecil que distrai o país de si mesmo (o país, na sua alegre inconsciência, e Sócrates, na sua sisuda consciência, agradecem) apenas entretém como um carrocel mágico. Nem sequer faltam as alimárias. De carne e osso.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor