Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

LER OS OUTROS

João Gonçalves 11 Abr 06

Por causa das Desperate Housewives e do inefável Dr. House- que eu jamais sacrifico aos debates do regime promovidos às segundas-feiras, na RTP-1, pela sra. D. Fátima Campos Ferreira -, não pude apreciar a argumentação dos convidados - quase sempre os mesmos-, julgo que a propósito da "vida". Estiveram presentes o sociólogo e cronista António Barreto, a historiadora e cronista Fátima Bonifácio, o economista e semi-beato César das Neves e o Cardeal Saraiva Martins, Prefeito no Vaticano. No entanto, vale a pena ler a "descrição" do evento televisivo e a opinião de Rui Paula de Matos no Macroscópio: "A Europa, os valores e a família". E no Blasfémias, a pergunta de João Miranda, "Os jovens manifestantes franceses ganharam o quê?"

UM LIVRO

João Gonçalves 11 Abr 06

EPC

João Gonçalves 11 Abr 06

Dizer isto é uma vulgaridade, todavia julgo que existe um "tempo" para tudo. Há já alguns dias, semanas, mesmo meses, que as crónicas diárias de Eduardo Prado Coelho no Público deixaram de me interessar. E as do suplemento Mil Folhas, aos sábados, ainda menos. Frases como "deve ser a primeira vez que o Ipod penetra na poesia portuguesa" (cit. a páginas 107 de "Não é Fácil Dizer Bem", de João Pedro George) fazem falta à "crítica literária". Como é que ainda ninguém se tinha lembrado disto? Não tarda estão todas num livro. "O Fio do Horizonte", por seu lado, e como dizia, oscila entre o delírio e a irrelevância (ontem, por exemplo, o tema era a bola na sua versão sportinguista). Talvez estivesse na hora de EPC escrever menos e melhor. Ou, como sugere J.P. George, EPC "está a precisar de fazer um congresso extraordinário na cabeça dele." (idem, pág. 105)

EM FRANÇA

João Gonçalves 11 Abr 06

Dominique de Villepin, o desautorizado primeiro-ministro francês que já deve estar por tudo, disse ontem a José Sócrates que os portugueses em França constituíam uma comunidade "vibrante, dinâmica e calorosa". Só se for em França.

CONVERSA DA TRETA

João Gonçalves 11 Abr 06

Em França, o poder cedeu à rua. Em Itália, um chocho institucionalista, que reina vagamente sobre uma confusão partidária, vai "chefiar" um governo. Por cá, a propaganda continua. O mundo está perigoso.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor