Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

O FEITIÇO DA LUA

João Gonçalves 14 Jan 06


No noite da primeira lua cheia do ano, é bom terminar o dia assim, a rever este filme e Nova Iorque.

SEGUIR EM FRENTE

João Gonçalves 14 Jan 06

Como escreve Miguel Sousa Tavares no Expresso, se Soares tivesse contado com bons conselheiros em vez de cortesãos, talvez pudesse ter sido poupado ao espectáculo deprimente da sua recandidatura. Sócrates, sóbrio, "amparou" o seu candidato até onde pôde, no Porto, e Soares agradeceu "amparando" Sócrates na saída do palco. Nem uma palavra sobre Cavaco. Apesar de tudo, eu creio que Soares deve ficar à frente da empáfia e da prosápia nula de Manuel Alegre. Seria um sintoma de que estávamos bem pior do que imaginamos se, num acesso, o eleitorado batesse palmas, por interposto voto, a Alegre. Tente-se espremer um pouco daquilo para ver o que é que sai, para além de um bafiento e nostálgico nacionalismo pseudo-progressista que se auto-homenageia constantemente. Nada, não sai nada. Dito isto, acho que é importante derrotar os dois e de preferência ao mesmo tempo, sem contemplações políticas nem enganosos "votos úteis". E seguir em frente.

RUA FRÉDÉRIC LE PLAY, PARIS

João Gonçalves 14 Jan 06

Vou ver "Le promeneur du Champs de Mars". Depois falamos.

O "GOSTO" DE SÓCRATES

João Gonçalves 14 Jan 06

José Sócrates, no Porto, desce à campanha de Mário Soares. As almas penadas do soarismo tardio têm passado o tempo a rosnar contra Sócrates por causa do alegado desamparo a que tem votado a sua escolha presidencial. Soares, num notável esforço de continência verbal, passou a coisa para o plano místico asseverando que Sócrates tem estado com ele, todavia "em espírito". Acontece que Sócrates, pelo que temos visto, tem sentido de Estado e não tem, de todo, sentido de circo. E a sua presença destina-se não tanto a "ajudar" Mário Soares a ganhar a Cavaco Silva - uma tarefa aparentemente inglória e inútil para quem exerce as funções de primeiro-ministro de um país em crise - mas mais a ajudar Soares a ganhar a Manuel Alegre. Daí para diante é com Soares, já que - como ele não se cansa de repetir - "é um gosto vê-lo em campanha".

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor