Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

...

João Gonçalves 24 Set 03

QUANDO TUDO ARDE

Vi ontem, na SIC Notícias, uma reportagem com um rapaz que vai entrar este ano na universidade. Tinha estado numas olimpíadas de matemática, na Argentina, se bem entendi, e trouxe de lá uma medalha de prata. Teve 20 na disciplina e parece-me que entra no IST com média de 19. Disse à  jornalista que gosta de jogar jogos de computador, que não tem namorada e que não pratica desporto. Tem, como mundo suficiente, a matemática. Nota-se-lhe a discreta ambição no gozo com que desfaz uma equação ou explica uma fórmula. A notí­cia passou praticamente despercebida, como é natural. Um País que passa o tempo a dar ouvidos e voz a tagarelas imbecis, não pode prestar atenção à felicidade deste rapaz. Provavelmente, e se for esperto, a seu tempo irá lá para fora. O que é que ele fica cá a fazer quando tudo arde ?

...

João Gonçalves 24 Set 03

PERSIGNAÇÕES

O Mundo e o País do "respeitinho" têm novas causas. Recomendo três exemplos:

-no Portugal e Arredores, um post que me dá conta de que a igreja católica, o mundo de incenso, disciplina e trevas em que cresci e em que fui mais ou menos educado - sem aparentes grandes resultados - se prepara para castrar a alegria de algumas das suas celebrações eucarísticas e de manifestações externas de religiosidade, privilegiando o soturno, a segregação e a circunspecção balofa;

-no Pulha - que imensa injustiça a desta auto-flagelação toponímica - está um post sobre "comportamentos sociais", digamos assim, nas primeiras classes dos nossos comboios, uma excelente observação de um pequeno mundo de pequenos privilegiados;

- na Administração Pública, que não é um blogue, mas que podia ser, desenvolve-se paulatinamente a doutrina do "atento, venerando e obrigado" de outras ocasiões, sob a capa da modernidade e da recuperação de valores "empresariais" (o que é isto?). O "mundo cão" que já era, vai tornar-se muito melhor por causa da anunciada caça à "excelência". Enquanto o "mérito" for estar sentado a horas e sair a horas, mesmo que haja um imenso vazio nesse intervalo, prenhe de "respeitinho" e de "espertinhos", o que é que interessa o "produto final"?

Amen.

...

João Gonçalves 24 Set 03

A MERDA E O ESTADO

Nos idos de 75, a expressão "merda", na versão "bardamerda", foi introduzida no léxico do Estado pelo então primeiro-ministro Pinheiro de Azevedo. Alguns grupos folclóricos da época, acusavam-no de "fascista" e ele, no seu estilo desbragado e sincero, mandou-os "à parte". Naquela altura, era só mais um fait divers. Em 2003, na comemoração dos cento e muitos anos da veneranda instituição que dá pelo nome de Supremo Tribunal de Justiça, onde têm assento umas obscuras e subtis figuras que, em última análise, podem decidir radicalmente as nossas vidas, o termo foi inesperadamente recuperado. Andava a pobre da Sofia Pinto Coelho, da SIC, a saltitar de magistrado em magistrado para saber se era jubilado, conselheiro ou outra coisa qualquer de suma importância, quando passou por ela o presidente do Tribunal da Relação de Lisboa. Sofia tentou perguntar-lhe qualquer coisa, mas a criatura atalhou "que não queria dizer nada". E, virando-se para a câmara, foi dizendo, ameaçando, que "ainda partia aquela merda toda". Eu ouvi e está no video da reportagem. Este cavalheiro é um magistrado judicial, presidente de um tribunal superior e um órgão de soberania do Estado português. Não é um vulgar acosssado, daqueles que enchem os noticiários das televisões, a quem se quer, a todo o custo, arrancar uma declaração. Convinha, por consequência, que cuidasse da língua. E que não fosse tão lesto a confundir o Estado com a merda, apesar de tudo.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • João Gonçalves

    Primeiro tem de me explicar o que é isso do “desta...

  • s o s

    obviamente nao é culpa do autor ter sido escolhi...

  • Anónimo

    Estou de acordo. Há questões em que cada macaco se...

  • Felgueiras

    Fui soldado PE 2 turno de 1986, estive na recruta ...

  • Octávio dos Santos

    Então António de Araújo foi afastado do Expresso p...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor