Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

OUTRAS ALTURAS

João Gonçalves 20 Out 11

«Portugal tomou as medidas necessárias, mas entretanto deve fazer face, como os outros países, ao abrandamento da economia europeia, e a questão dramática que se coloca é de como aplicar um plano de rigor necessário, cortando nas despesas públicas, sem que haja crescimento económico. Não há resposta possível (por parte dos governos), é preciso que seja a UE a fornecer os meios do relançamento.»

Jacques Delors

Tags

1 comentário

De Anónimo a 21.10.2011 às 12:19

Continuam a não perceber que viver com menos crédito - note-se que não disse sequer sem crédito, e tal vai chegar pois é preciso pagar a dívida- é ser mais pobre ou menos rico.
Se parte importante da riqueza se deve ao crédito quando este acaba tem-se menos.
É simples matemática.

A única alternativa seria produzir mais para cobrir o valor do crédito que se pediu.
Ora como tal não aconteceu nos anos em que os défice foram aumentando sem travão, o que é que leva a querer que será agora?
Se 17% do que os Funcionários Públicos ganham é pedido emprestado, para manter aquele valor precisam de produzir mais 17% do que produziam para manter o ordenado sem recorrer ao crédito.

lucklucky

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • Gabriel Pedro

    Meu Caro,Bons olhos o leiam.O ensaio de Henrique R...

  • Maria Petronilho

    Encontrei um oásis neste dia, que ficará marcado p...

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor