Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

A opção do Doutor Cavaco

João Gonçalves 8 Nov 14

 

O Doutor Cavaco concedeu uma entrevista ao Expresso. Como o Presidente é geralmente parco em palavras, li-a na diagonal para tentar perceber a "mensagem". A dos "compromissos" e dos "consensos" não podia faltar bem como a crítica à "esquizofrenia" partidária doméstica. Mas "a" mensagem vem até acompanhada de citações históricas e legais. Cavaco não tenciona repetir o gesto do seu antecessor efecuado há precisamente dez anos: dissolver o parlamento "fora" do tempo da legislatura e, consequentemente, provocar eleições antecipadas. Salvo "se" ocorrer uma "grave crise política", isto é, se a coligação implodir. Para o Presidente, quer Passos quer Costa têm cerca de um ano de "caminho das pedras" pela frente e não  é ele que tenciona retirá-las. Apenas condicona a posse de um novo governo após aquelas eleições: tem de ser maioritário o que já devia ter exigido a Sócrates em 2009. O Doutor Cavaco quer ficar para a história como o Presidente que mais empenhadamente cumpriu e respeitou a Constituição revista em 1982 que retirou ao Chefe de Estado o dever e o direito de avaliar politicamente os governos e tirar daí as devidas ilações. É uma opção. Ponto final.

1 comentário

De Inexequível de Campos a 08.11.2014 às 15:34

lamento, camarada, mas sempre se poderá fazer um parágrafo.
É que, de Cavaco, já só vale a pena olhar para as receitas, para confirmar que têm as vinhetas.
E disse.
P.S (sem ofensa): ainda bem que avisou que há entrevista, o Expresso vai direitinho para o lixo (sem arrependimento pelos 3,20€). 

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor