Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

DILMA LULA DA SILVA

João Gonçalves 19 Ago 10



O Brasil prepara-se para eleger o substituto do pantomimeiro Lula, o herói das esquerdas e dos negócios mundiais, cada vez mais uma e a mesma coisa. O seu fantoche é uma mulher de nome Dilma. À semelhança de Putin, outro modelo de democrata, Lula engendrou Dilma para, como não se cansa de repetir, continuar a exercer a sua "influência", presume-se, enquanto "gestor de negócios" do PT. Lula é muito apreciado por cá tal como Chávez. O regime tem inveja de não poder ser totalmente latino-americano. Por exemplo, um tipo repelente como Ricardo Costa - da sic e do brasileiro Expresso - podia perfeitamente ser exportado para porta-voz de qualquer um daqueles dois. É um ditadorzinho enfatuado que não deixa falar ninguém, apesar de convidar toda a gente para o ouvir, e que prevê o futuro como um vulgar Karamba da Reboleira. À "lulização" da língua portuguesa seguiu-se a "lulização" geral da opinião que se publica, das grandes negociatas e das nomenclaturas. Dilma fará de notário desta porcaria toda e, um dia, virá cá recebida em ombros pelos panhonhas de serviço. Nem já a língua - que foi o que sobrou dos "perigos e guerras esforçados" - se aproveita. Vendemos tudo ao desbarato. Nem talento para putas temos.

14 comentários

De Ramiro Marques a 19.08.2010 às 12:18

Gostei da descrição feita ao Ricardo Costa: manda bocas, não deixa falar os outros, interrompe intempestivamente e é malcriado. Como é que um jornalista tão pouco talentoso chega a subdirector do Espesso?

De Cáustico a 19.08.2010 às 12:22

Pois não faltará muito, dada a muita fauna imbecil que há por cá, que muito gosta de arriar as calças por tudo e por nada, mais por tudo do que por nada, para vermos essa tupi sem gabarito a pisar solo português.

De Anónimo a 19.08.2010 às 12:39

Hehe! De acordo com tudo!!!

Mas o sumário do "costa mano" está excelente!

Quanto aos cefalópodes brasukas (proponho que introduzamos o k, o y e o w no "português" quando nos apetecer, também temos direito à criatividade ortográfica), pode ser que levem banho... Nunca se sabe!


PC

De joshua a 19.08.2010 às 14:13

Dilma corresponde àquilo a que muitos brasileiros consideram, numa ex-resistente contra o fascismo, a alternativa ao poder fático da Globo, braço que tem posto, disposto e deposto o Poder em nome da plutocracia de lá.

De joshua a 19.08.2010 às 14:14

E parece que vai ganhar: http://joshuaquim7.blogspot.com/2010/08/dilma-e-o-factor-lula.html

De João Gante a 19.08.2010 às 15:06

Mais me espanta como é que o monólogo ambulante é solto em todo e qualquer debate. A imagem que passa é que há quota semanal de aparições ou que o sôrdirector se convida a ele mesmo. Ou ainda, que quem o não convide - por razões óbvias de qualidade da opinião emitida - tem represálias.

Quem haveríamos nós de admirar senão lulas e chaves? Um daqueles emproados sérios e cinzentões? É questão de genética do nível - não de escolha.

De Isabel a 19.08.2010 às 15:26

O Costa é mano do mano e filho da sua mãe. Em Portugal, não é necessário muito mais para alcançar o estrelato ( mísero e pacóvio estrelato!). Lamentável é que esse e outros opinion makers cá do sítio consigam denegrir até à exaustão políticos capazes e honestos como sucedeu com a orquestração de campanhas várias contra a Drª. Ferreira Leite. Como a própria previu: "talvez não digam mal de mim pelo Natal". Notável, acrescento, a nova designaçao do "espesso"."Jornal brasileiro" vem mesmo a calhar, para ver se ganham um módico de vergonha.Por mim, deixei de comprar e o mesmo se passa com a "Visão". Nâo há pachorra para uma leitura entrecortada de "ótimos","reações" e outros atentados à nobre língua de Camões.
Não vislumbro possível subserviência igual nos responsáveis pela nobre língua de Shakespeare.

De Anónimo a 19.08.2010 às 15:41

J.Gonçalves:de há muito que não passo um único dia que não faça uma visita ao seu blog. E não é que o senhor conseguiu criar em mim este vício que jamais vou perder!
Hoje,então,este post é realmente um portento.Sobretudo no que se refere ao tal monhezito do irmão do outro monhezão que é dono de Lisboa.É realmente chocante como é que o dr.Balsemão se deixa enrabar desta maneira. Manter em tal posição a um desclassificado,é por demais chocante. E não sei se sabe,mas fixe-se lá com esta:a mulher dele,uma tal de Cláudia,que também já esteve na Sic,como "jornalista",foi requisitada pelo Ministério daquela cegueta que dá pelo nome de Ana Jorge,para ASSESSORA!Está a ver como é esta democracia?Faz lembrar a outra Assessora do Min.da Justiça,levada pelo Alberto Costa,que por sinal ainda nem completou o Curso de Direito e cujos predicados "profissionais"se resumem a ser filha do Jorge Sampaio,aliás como o filhinho que,mal chegou dos States,logo foi para Assessor na PT!
Que me diz a isto?
Era bom que todos estes casos fossem tornados públicos,na SIC, ou na TVI,pois na RTP népia.Só que está tudo sob controle,não é?Valham-no ao menos os blogs,como o seu,a quem tiro o chapéu.
Cumprimentos. E que Deus nos acuda!

De Alves Pimenta a 19.08.2010 às 16:13

Há já uns tempos, calhou-me entrar num eléctrico da carreira 28 onde ia esse Ricardo Costa com umas criancinhas. Falava-lhes alto e definitivo, como se estivesse no palco da sua tv a mandar nos "convidados" (e ainda há quem aceite sê-lo, imagine-se!).
Senti-me mais incomodado do que quando o 28 vai a abarrotar de carteiristas.

De Ramiro Marques a 19.08.2010 às 17:24

Belíssima e exacta descrição!
Um abraço ao João Gonçalves. Que nunca lhe falte o talento, a energia e a coragem. Eles devem ter-lhe um pó!

Comentar post

Pág. 1/2

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor