Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

NOTÍCIAS DO KIM-IL-SUNGUISTÃO

João Gonçalves 25 Jan 11


O PS vai "eleger" o seu secretário-geral no final de Março. Depois, em Abril, haverá um congresso onde o referido secretário-geral será entronizado a profusamente aplaudido de pé. O candidato ao cargo, para grande surpresa do país e arredores, é Sócrates. Aprende-se muito com os queridos líderes.

Tags

10 comentários

De Gallião Pequeno a 25.01.2011 às 20:38

O homem está mais queimado que açúcar em leite-creme. Até lá a temperatura vai subir e como diz a populaça "assa canas ao sol".

De Daniel Santos a 25.01.2011 às 21:46

porquê? Os outros lideres não sã aplaudidos de pé?

De Anónimo a 25.01.2011 às 22:18

Menos de 48 horas depois de ter remetido alegremente para o lixo, José Sócrates aí está a mostrar ao Presidente da Republiqueta quem é que manda no calendário. O chefe de bancada dos contorcionistas, com a coluna toda torcida e retorcida, veio dizer publicamente (com uma cara que faz lembrar aqueles reféns dos filmes que v~em cá fora passar uma mensagem e morrem se tentarem fugir) que ele é o chefe espectável e natural. Entretanto um jornal avançou que o órgão do PS tinha decidido fazer o congresso, enquanto outro dizia que quem presidia ao mesmo órgão era Sócrates. É esse o problema do PS: tornou-se num órgão unicelular rodeado de entidades oportunistas que não vêem para além da fronteira externa do hospedeiro eventual a que estão aconchegados. Lá fora faz frio e está tudo cheio de lobos-maus.

De joshua a 25.01.2011 às 22:47

Sócrates está para durar como uma boa Gripe democrática, o que vem a propósito do que escreve Barreto: «A falta de previsibilidade é má conselheira. Pior: revela a miopia dos responsáveis políticos, reféns de interesses particulares e de instâncias internacionais. Tudo o que podia ter sido feito há anos (coligação de governo, aliança parlamentar, plano nacional, programa de emergência, recurso financeiro internacional, etc.) foi adiado de modo incompreensível, por causa da incompetência, da ignorância, da covardia e da cupidez dos agentes políticos.»

De antónio chuchado a 25.01.2011 às 22:55

É natural que o pavão de S. Bento seja 'naturalmente', de novo, eleito.

Enquanto o homem estiver encarregado de empobrecer os 'indígenas' e engordar os mamões, está tudo de acordo para que seja, novamente, o rosto da podridão que temos, diáriamente, de 'engolir'.

O homem deve ser a criatura que mais 'afilhados' tem a mamar nas tetas do orçamento.

antónio chuchado

De Anónimo a 25.01.2011 às 23:47

A verdade é que, sem surpresa, parece que ainda há 30% de carneiros a pensar votar nesse gajo o que mostra que, pior que nós, só os italianos!

De M. Abrantes a 25.01.2011 às 23:49

Graças a essa senhora que faz espargata nas esquinas e que dá pelo nome de 'estabilidade', vamos ter Sócrates até 2013.

Este governo é tão bom, fez já tanto por Portugal, que a oposição e o presidente que temos agraciam-nos com o louvável favor de o manter no poder por mais 2 anos.

Fazer o quê?
Bem, podemos sempre mandá-los dar uma curva no dia das eleições, quando eles tentam, à nossa custa, caucionar toda esta hipocrisia politiqueira.

Cinco em cada dez portugueses fizeram-no no domingo. Nem tudo está perdido.

De Anónimo a 26.01.2011 às 00:28

porquê o presidente?
Não seria mais natural a AR votar uma moção de censura ao governo,por todos os partidos da oposição?
Criticam Cavaco por não o fazer,mas se o fizesse criticá-lo-iam por ter feito.
Pior,a escumalha que se afirma falsamente de esquerda faria um alarme tão grande que o vigarista seria reeleito com nova maioria.

De Anónimo a 26.01.2011 às 16:54

Primeiro criam o problema com o cartão do cidadão e depois aparece Silva Pereira a dizer na RR (sem Sócrates saber de nada) que o Presidente foi o eleito com menos votos de sempre, numa manobra brilhante para país de supostos atrasados mentais.

De Anónimo a 26.01.2011 às 17:39

Onde estão os competentes, porque não aparecem e os jovens não se (veem).

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor