Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

Alice e o dr. Passos

João Gonçalves 28 Dez 13

Se o tropismo numérico dos 120 mil e dos 20 mil "empregos" se tivesse passado com Guterres, Barroso, Santana Lopes (meu Deus, Santana Lopes!) ou mesmo com Sócrates "dos últimos dias", não teria subsistido a menor complacência. E já estou a descontar as "festas". Mas o momento político é de declinação ronhosa dos livros da Alice, quer "no país das maravilhas", quer "através do espelho". Maria João Avillez, que não é Lewis Carroll, chama-lhe "resiliência" e não pode deixar de admirar um homem que mantém a mesma calma a beber uma bica ou a assistir a um incêndio (ela estava a citar o "pensamemto mágico" de Ricardo Costa diante deste). Eu, modestamente, como o personagem de Carroll, apenas vejo Ninguém vir ao longe na estrada. E, Alice dixit, como seria bom poder ver Ninguém.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor