Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

Os "estrategas de posição"

João Gonçalves 19 Abr 13

 

Leio num jornal que «é de um ministro em perda que hoje todo o país fala, depois de Santos Pereira ter perdido a coordenação dos fundos comunitários (QREN).» Estas "conclusões" percevejais (a expressão é de Jorge de Sena) e ignorantes compreendem-se, porque metodicamente induzidas, à luz de uma coisa que Joaquim Aguiar designa por "estratégias de posição" (não é por acaso que ilustro o post com um sofisticado carro de combate). Isso encontra-se no prefácio ao livro* que recolhe os apontamentos políticos do General Garcia dos Santos resultantes das reuniões a que assistiu com os partidos, entre 1976 e 1979, ao lado do então PR Ramalho Eanes. Escreve Aguiar, referindo-se já aos tempos que correm (e quem não conhece o passado não pode perceber o futuro que esse passado anunciava), que «quem está no deserto e sonha com miragens acorda com a boca cheia de areia. Todavia, quem se especializou em "estratégias de posição" não pode reconhecer os erros nem pode escapar às ilusões.» E conclui: «quem se fixou em "estratégias de posição" nem se apercebe que entrou na vizinhança da descontinuidade, muito menos saberá como evitar a precipitação no vazio.» Aos "estrategas de posição" não interessa verdadeiramente nem o presente nem o futuro do país. Alguns - e regresso a Santos Pereira - estão ou estiveram ao lado do ministro da economia naquele célebre sentido geométrico que servia a Churchill para distinguir adversários de inimigos. Não devem, porém, subestimar a inteligência dos outros. Pode ser que acordem, um dia, com a boca cheia de areia.

 

*General Garcia dos Santos e David Castaño, Apontamentos Políticos - Eanes e os Partidos, Bertrand Editora, Lisboa 2013

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor