Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

As coisas são o que são

João Gonçalves 22 Fev 13

Depois de ter perdido os jogos florais no PS para Seguro - jogos abertos por interposta gente orfã de Sócrates -, António Costa, o taticista, tenta agora recuperar o tempo perdido em Lisboa, quase todo já que o seu mandato como edil é, de uma forma geral, eminentemente esquecível. A iniciativa do governo, centrada no ministério da economia dirigido por Álvaro Santos Pereira (que Costa desdenhou arrogantemente no seu part time televisivo semanal), relativa ao porto de Lisboa e ao terminal de mercadorias do Tejo, com investimentos essencialmente privados, baralhou os exercícios de politiquice barata a que Costa aprecia entregar-se de vez em quando - talvez em nome das "saudades" que lhe ficaram da altura em que, praticamente de bibe, partilhava um gabinetezinho na JS com o não menos fanfarrão e taticista César, antigo czar dos Açores. Costa precisa de fazer barulhos - ajudado às quintas-feiras por Pacheco e, com intermitências, por Xavier - para se "estabelecer" como potencial candidato belenense do PS algures lá mais para a frente. É um direito dele embora não lhe convenha tentar fazer permanentemente dos outros parvos, como se viu com Seguro. As coisas são o que são.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor