Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

NA GRANDE LOJA....

João Gonçalves 29 Jul 05

... estas "memória(s)".

LER...

João Gonçalves 29 Jul 05

...no Portugal Diário uma entrevista com Manuel Maria Carrilho. Dispensava-se o populismo "fadista" que não "cola" com a personagem.

"UM DESTINO COMUM"

João Gonçalves 29 Jul 05

Segundo O Independente, a famosa "reflexão" a que o dr. Soares está a proceder, inclui romarias à Fundação do próprio. Aliás, o próprio mencionou há dois dias os vários tipos de corporações e de notabilidades que andava a "ouvir". De acordo com o jornal, a gravidade do momento exigiu "conversas individuais" com vultos como o dr. Almeida Santos, o sr. Carvalho da Silva, o dr. António Reis, grão-mestre da Maçonaria, e um almoçinho com Domingos Abrantes, uma das maiores sumidades estalinistas do PC. Este exercício pantomineiro promete continuar. Quando chegar a vez da procissão da "cultura", então, é que vai ser mesmo divertido. Por ora, seria interessante perguntar a Soares - não fosse dar-se o caso de ele estar "recolhido" -, o que é que ele pensa acerca dos tumultos orquestrados pelo PC, ontem, no Parlamento. Ou das "medidas" que o mesmo Parlamento aprovou em relação à administração pública, os seus funcionários e, por tabela, às suas famílias, mais conhecidos todos por "eleitorado" e não propriamente da "direita". Em suma, e como escreve Vasco Pulido Valente no Público de hoje (sem link), "levado a Belém por essa grande coligação do imobilismo, Soares (ainda por cima ajudado pelas suas próprias convicções) não tardaria a paralisar o Governo e o país. Ninguém investiria aqui um tostão e Portugal, incorrigível e falido, ficaria para exemplo de um sistema "perfeito" e de uma vida miserável. Um destino comum."

O BRAÇO DA D. MARIA JOSÉ

João Gonçalves 29 Jul 05

O Paulo Gorjão está "admirado" com o silêncio de Jorge Sampaio em relação aos "investimentos" do dr. Pinho e dos engenheiros Lino e Sócrates. Descontando a relevância que parece atribuir ao "manifesto dos 13" - estas designações "definidas" e de teor "histórico", "dos 13" ou "dos 18", divertem-me imenso e são a demonstração eloquente da nossa pinderiquice -, o Paulo tem razão ao perguntar pelo "supremo magistrado". Parece que anda embarcadiço nos Açores, com os reis de Espanha (ontem vi a D. Maria José de braço enfiado no braço da Rainha Sofia e pus-me a cogitar sobre o que iria na cabeça da real senhora, tratada em mar alto como uma mera "comadre" prazenteira: há coisas que em dez anos de protocolo jamais se aprendem). Vi-o murmurar qualquer coisa sobre a sua própria sucessão e "sugerir" que podia perfeitamente seguir o belo exemplo do seu antecessor, transformando assim Belém numa espécie de Dinastia Ming "socialista", uma "região demarcada" para "democratas" com pedigree. Mas adiante. Saiba o Paulo que Sua Excelência tem opinião sobre a OTA e, imagino, sobre os vitessse. E é de ampla concordância com a "teoria do investimento" que o governo anda por aí a vender. O que ele ainda não teve foi "ocasião" para a divulgar, mesmo que sob a forma "redonda" habitual e com uns números à mistura (Sampaio, ao contrário de Soares, gosta de dossiês). Para além disso, o que é que ele tem a perder? Não é ele quem paga. Ele é apenas mais um "visionário" feliz que nos imagina prósperos numa próxima encarnação. O melhor mesmo, no meio desta "loucura normal", ainda é o braço da D. Maria José carinhosamente enfiado no da Rainha de Espanha. Se calhar, e para nossa felicidade, devia ter sido sempre assim.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor