Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

portugal dos pequeninos

Um blog de João Gonçalves MENU

O CANALIZADOR POLACO

João Gonçalves 21 Jun 05

Por falar em "inovação e desenvolvimento", a Grande Loja descobriu a forma que os polacos arranjaram para chamar a atenção para o seu turismo. O poster que se reproduz de seguida - com a fotografia de um canalizador a "promover" a Polónia como destino de férias - pertence a uma campanha do departamento de Turismo da Polónia, a pensar na melhor maneira de contrariar o medo francês face à "concorrência" polaca, assente no célebre "síndrome do canalizador polaco", tão discutido por alturas do refendo à Constituição Europeia. Com o devido respeito, acho que só contribuíram para o aumentar e não necessariamente pelas piores razões.


SOBRE...

João Gonçalves 21 Jun 05

... o enorme embuste que é a "formação" na administração pública, vale a pena ler este post do Jumento.

LER...

João Gonçalves 21 Jun 05

... este curioso "dossier" sobre a blogosfera - 1,2,3,4,5,6,7 -, as suas repercussões políticas, sociais e, pelos vistos, judiciais, a partir de um caso concreto ocorrido em França. O título de capa do Libération não deixa margem para dúvidas: Au blog, citoyens!. Nos EUA, ler ainda este "comité para a protecção dos bloggers".

SARTRE, O DIA DO ANO CEM

João Gonçalves 21 Jun 05

"Eu sinto-me não como uma poeira aparecida no mundo, mas como um ser esperado, provocado, prefigurado. Resumindo, como um ser que só parece poder vir de um criador, e essa ideia de uma mão criadora que me tivesse criado reenvia-me a Deus. Naturalmente isto não é uma ideia clara e precisa a que recorro cada vez que penso em mim; ela contradiz muitas outras ideias minhas; mas existe, vaga. E quando penso em mim, penso muitas vezes um pouco assim, à falta de poder pensar de outro modo. Porque a consciência em cada um justifica a sua maneira de ser, e não está presente como uma formação gradual ou feita de uma série de acasos, mas pelo contrário como uma coisa, uma realidade que existe constantemente, que não está formada, que não é criada, mas que surge como existindo constantemente por inteiro. Além disso, a consciência é a consciência do mundo, por conseguinte não se sabe muito bem se se quer dizer a consciência ou o mundo, e por conseguinte reencontramo-nos na realidade".


De uma entrevista de Simone de Beauvoir a Jean-Paul Sartre, no Verão de 1974, publicada em A Cerimónia do Adeus

TRÊS SÉRIES

João Gonçalves 21 Jun 05

Six Feet Under, Sete Palmos de Terra

Desperate Housewives, Donas de Casa Desesperadas

Sex and The City

Nada, ou quase nada, neste país pateta me interessa observar a partir das televisões. Para além desses amigos silenciosos que são os livros, em casa também se pode escolher a companhia. Descobri recentemente o frívolo prazer de assistir a três séries norte-americanas, sem quaisquer complexos "intelectuais". Aliás, os "argumentos" e as "personagens" são suficientemente interessantes para acompanhar a peripécia de trás para diante ou vice-versa, ao acaso. Se quisermos, não são tanto as "histórias" quanto os "ambientes" que contam, umas vezes de uma forma divertida, outras vezes irónica, outras ainda, e sobretudo, "séria". O resto são tretas ou Manuel Luis Goucha, o clone "masculino" da Fátima Lopes.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Últimos comentários

  • André

    Gosto muito da sua posição. Também gosto de ami...

  • Maria

    Não. O Prof. Marcelo tem percorrido este tempo co...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, no meio da abundante desregulação ...

  • António Maria

    Completamente de acordo.Ontem tive vergonha de ser...

  • Fernando Ferreira

    Caríssimo João, «plus ça change, plus c'est la mêm...

Os livros

Sobre o autor

foto do autor